Comandante da 38ª Companhia de Comandos - General Pinto Ferreira
Elisabete Gonçalves
Amiga e testemunha da
38ª Companhia de Comandos


TEXTOS DA ELISABETE PARA A 38ª COMPANHIA DE COMANDOS

"Heróis do mar...."

 

Marcham com o mesmo garbo da sua juventude, porque apesar dos anos lhes travarem o passo, a alma corajosa e voluntária continua a mesma.
A força com que dizem que estão prontos, se assim necessário for, atesta e abona em favor do seu carácter verdadeiro e único.

Não vergam à idade, nem a enfermidades injustas que os fazem continuar pela vida à "velocidade de cruzeiro", mas sempre, sempre em marcha.
Falam e contam ,de voz embargada por nó teimoso na garganta,dos companheiros que tombaram e riem como se tivesse sido fácil, das provações e medos que passaram. Estavam juntos e isso...era tudo o que de maior valor poderiam ter!

Esgotaram a juventude e os anos de glória numa Pátria que nem sempre os amou e correspondeu à sua entrega.

Continuam a ser estranhos entre civis , porque uma farda apenas identifica um militar...mas não o define.

Foram, como só eles souberam ser,ímpares e bravos soldados.

Continuarão a ser, dentro do peito e vida fora, nas lágrimas que não sustêm...num qualquer hastear de bandeira ao som da Portuguesa. "Heróis do mar....".

( Foto retirada do site "Operacional"  http://www.operacional.pt/16º-encontro-nacional-de-combatentes/ )



TEXTOS DA ELISABETE



Trigésima Oitava Companhia de Comandos
A Sorte Protege os Audazes
Guiné 1972 - 1974

Alguns dos conteúdos disponíveis neste website podem chocar pessoas mais sensíveis.
Recomendamos discrição na visualização dos mesmos.

Todos os direitos reservados © 2015.